παραλλαγή (paralaxe)

De longe, o emaranhado de fios
confunde-se com a teia.

Anúncios

3 pensamentos sobre “παραλλαγή (paralaxe)

  1. Gostei.
    Duas coisas me ocorreram: a primeira é que o “confunde-se” remete ao olhar do observador que, ao invés de uma teia, vê um emaranhado de fios; a outra é que o “confunde-se” pode remeter a uma mescla, a um abraçar-se, enrolar-se…
    Assim, leio sua composição de duas formas: ora como a representação da força do olhar, ora como a representação da união de coisas distintas, mas semelhantes… ou ainda, como o congelamento de uma situação, a saber: o trabalho abandonado dos fios, agora emaranhados, opondo-se ao trabalho ativo das aranhas tecedeiras.
    🙂
    Abraços! E continue escrevendo. Adoro ler seus textos.

  2. Só agora me dei conta do título! “Paralaxe”. Aí fui “googlar”, claro. Interessante. A paralaxe é uma alteração aparente de um objeto com relação a um observador em movimento, ou a mais de um observador.
    Nesse caso, me ocorreu uma nova interpretação: o olhar do observador, por conta de sua posição (e aí poderíamos divagar: seu estado mental, sua situação na vida, seus problemas etc.), enxerga o objeto distorcido, vendo uma teia onde há somente um emaranhado de fios.
    Será algo assim ou estarei eu também enxergando coisas?
    🙂

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s