haikais

Ao sol da manhã
uma gota de orvalho
precioso diamante.

(Matsuó Bashô)

Quietude —
O barulho do pássaro
Pisando em folhas secas.

(Ryushi)

Solidão.
Após a queima de fogos,
Uma estrela cadente.

(Shiki)

Tudo tão claro
ainda não era o dia
era apenas o raio.

(Paulo Leminski)

Relógio parado
o ouvido ouve
o tic-tac passado.

(Paulo Leminski.)

A vida é um saque
que se faz no espaço
entre o tic e o tac.

(Millor Fernandes.)

O Haikai [haicai] desorientando-se

Poesia visual;
Poeta andarilho;
Errar é humano;
Poeta, etimologicamente, ambicioso;
Retrato de uma experiência vivida;

Imagem – Imaginação: do concreto ao abstrato.

Anúncios
Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s